A nossa bagunça

 

É foda dizer, mas nós sabemos da verdade. Sabemos que isso não tem nem pé, nem cabeça. Sabemos da nossa semelhança, mas a diferença é gritante e dói. Arde em minhas veias ter que forçar isso à dar certo, sabendo desde o início que jamais daria. Não tem dado, aliás.Às vezes eu acho que é por minha culpa. Impulsiva, irritante, traumatizada, teimosa e confusa. Mas ai, eu acho que é você. Tão indiferente, distante, teimoso, meloso, uma bagunça. Mas eu costumava gostar dessa bagunça. A bagunça que completava a minha confusão. Mas o problema começou a surgir quando não à completava mais, só bagunçava. Agora resta saber quem vai ser corajoso o suficiente para arrumar essa bagunça, retirar as vírgulas e enfim, colocar o ponto final.